Publicado por: Olga Pessoa | 26/10/2010

E a gente esquece, sabendo que está esquecendo!

Verdade, Caio… o tempo passou. O que queimava, hoje, encontra-se quieto na memória. Sem monstros, bandidos e mocinha. Sem dúvidas daqui pra frente. Sem nada de ontem, vou esperar pelo que virá!

Como disse Chico: Não há mais porta, mas também não tenho mais vontade de entrar!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: